26 de set de 2010

Avatar

Vamos falar de auto-estima?

Li esse texto maravilhoso no blog que acompanho já faz algum tempo, o Gordinhas Maravilhosas.

As fotos também pertencem à publicação original.

Dez atitudes positivas para mudar a relação entre você e seu corpo!

Psicanalista Susie Orbach dá dicas de como aceitar suas formas e viver em paz com seu aspecto físico:
  


1 – Pare de se pesar
Não deixe a fita métrica ou a balança dizerem o quanto você se sente bem. Escalas não devem lhe dizer como pensar ou sentir. Livre-se das medidas e tente se controlar a respeito de como se sente sobre seu corpo e sobre você.

2 – Pare de falar criticamente do seu corpo
Seja uma influência positiva para outras mulheres, especialmente para as mais jovens, evitando falar sobre peso e sobre aquilo que você não gosta no seu corpo. Às vezes, você pode se sentir desconfortável por estar em paz com seu corpo se todos à sua volta estão tentando mudar.
Nós estamos encorajando o ideal de perfeição se continuarmos seguindo as regras da mídia e da indústria da dieta.

3 - Questione os motivos das indústrias
Indústrias da moda, dos cosméticos e da dieta ganham dinheiro determinando como cada mulher deve ser. Moda e cosméticos podem ser aspectos divertidos da vida, mas vale a pena tentar se encaixar em ideais irreais?

4 – Dê valor ao seu dinheiro
Se você deixar de gastar seu dinheiro com regimes destrutivos e irreais e investir mais em coisas que reflitam sua personalidade, você continuaria gastando nas mesmas coisas e da mesma forma?

5 – Aprecie seu corpo de uma maneira diferente
Em vez de se preocupar com o tamanho e com a forma, aprenda a gostar do seu corpo pelo movimento, conforto, prazer e saúde.



6 – Tente comer de acordo com a fome
Em vez de comer de acordo com um plano, respeite e ouça os sinais do seu corpo, ele sabe do quanto e de qual comida precisa. Quando estiver comendo de acordo com a fome, seu corpo vai se ajustar ao tamanho que ele deve ter.

7 – Pense nas qualidades que você realmente admira em outras mulheres
Pense em pessoas que você admira de verdade. Com esses valores em mente, você acha que o tamanho ou a forma dessas pessoas importa?

8 – Considere como você lida com as emoções difíceis
Se você parar de traduzir emoções difíceis em preocupações com o seu corpo, haverá mais espaço e energia focada em temas que realmente lhe fazem feliz ou triste em particular.

9 – Foque em coisas que você gosta em você mesma
Em vez de ficar obsessiva pensando naquilo que acha inaceitável, largue a ideia de um corpo perfeito. Procure serenidade para aceitar coisas que não pode mudar, coragem para mudar aquilo que pode ser mudado e sabedoria para saber a diferença entre eles.

10 - Seja modelo
Nunca é fácil ir contra a maioria. Mas sempre existem mulheres que correm riscos para crescer e que definem novos padrões. Crie um caminho para ser quem você realmente é.


Fonte: Susie Orbach, site Any-body 


Um comentário:

  1. Poxa, é tudo verdade msm!
    A gente já tem tanto com oq se preocupar, pra q pensar em coisas q só colocam a gente pra baixo, né?
    Bjs!
    p.s.: Gostei do template novo!

    ResponderExcluir