16 de fev de 2011

Avatar

A força dos Blogs: blogueiras podem virar embaixadoras da Chanel!

Ainda duvidam da força dos Blogs? Não digo o meu humilde bloguinho, que por várias vezes abandono ao relento, coitado, mas que continuo escrevendo por amor e não ganho e nem pretendo ganhar nada com isso.
Mas é de tirar o chapéu o profissionalismo com que alguns Blogs lidam com a informação e com o público em geral e um exemplo disso é essa matéria, que vou "re"publicar na íntegra para que não se perca nada, nadinha.
A matéria aponta ainda os prós e os contras dessa ação.

Luxo e riqueza: quem são as blogueiras que podem virar embaixadoras da Chanel

O assunto ‘blogs de moda’ aparentemente ainda tem muito para render, especialmente agora com rumores de que a Chanel nomeará como embaixadoras… blogueiras de moda.

A marca fez ação parecida no passado, em 2009, quando chamou cinco garotas (as tais ‘it-girls’), Jen Brill (diretora de eventos hotel Maritime, em NY), Poppy Delevigne (socialite e modelo britânica), Vanessa Traina (que já foi rosto de uma campanha da Louis Vuitton), Leigh Lezark (DJ e modelo americana), e Caroline Sieber (stylist londrina), para serem embaixadoras da linha de beleza da Chanel. Rumi Neely, do blog Fashion Toast (que já foi estrela da campanha da fast-fashion Forever 21), e Jane Aldridge, do Sea of Shoes, são dois dos nomes citados como possíveis embaixadoras da marca. A ação “internética” é inovadora para a marca, que não possui nem página oficial no Twitter.

jane_rumi
Jane e Rumi: Futuras embaixadoras da Chanel? © Reprodução

Fica a dúvida se as blogueiras seriam verdadeiras embaixadoras da marca (como Anna Mouglalis e Blake Lively), que falam por ela, ou seriam mais como as “Les Fidèles de Chanel” (Garotas Fiéis da Chanel), que são uma espécie de cartão de visitas, apóiam eventos e lançamentos, usam Chanel em ocasiões especiais e sentam na primeira fila dos desfiles da marca.

A americana Rag & Bone, que na campanha do Verão 2011 chamou Abbey Lee Kershaw, Edita Vilkeviciute, Sasha Pivovarova e Lily Aldridge para se auto-fotografarem (ao invés de contratarem fotógrafos e todo o staff), pretende repetir o fato (ainda para a campanha de Verão), só que com blogueiras. Julia Frakes, do Bunny Bisous, e Rumi Neely estão entre os nomes cotados.

ragbone
Sasha Pivovarova e Abbey Lee, que se auto-fotografaram para a campanha da Rag & Bone, em situações triviais © Reprodução

Aqui no Brasil as marcas estão olhando mais para as blogueiras, como a Schutz, que chamou um time de 4 meninas para representar a coleção de Verão, ou como a C&A, que está fazendo uma série de vídeos apresentando o universo de algumas autoras de blogs mais conhecidos, o C&A Fashion Blogs. Thereza Chammas, do blog Fashionismo, inclusive, cita a C&A como um bom exemplo brasileiro, já que procura fazer uma ação que vai além de uma simples parceria. “Essa ação da Chanel mostra o prestígio dos blogs e que eles vieram pra ficar. É bom para que as marcas brasileiras aprendam a se adaptar, a irem além da simples parceria”.

kika_ceafashion
O programa Fashion Blogs TV, desenvolvido pela C&A, teve sua estreia com a produtora de moda Kika Brandão, do blog Ta Usando © Reprodução

Para Carla Lemos, do Modices, esse tipo de parceria é mais bem desenvolvido fora do Brasil. “As marcas aqui, em 90% dos casos, só querem convidar para prosecco e cupcakes para que isso renda posts depois. Ou mandam jabá esperando que isso compre a opinião das blogueiras. Mas não é assim que se constrói um relacionamento bacana. Acredito que falta coragem das marcas de investir de verdade”

E a tal opinião pessoal e sem amarras dos blogs, como fica com essas parcerias? Para Thereza, isso pode sim ter um lado negativo, já que a autora do blog pode deixar de falar (ou falar menos) de concorrentes da marca parceira, ou deixar de criticar a mesma, quando necessário. Carla complementa dizendo que esse relacionamento precisa ser bem construído e, principalmente, ter afinidade dos dois lados.

10 comentários:

  1. se depender de mim vão morrer de fome, ha ha ha eu faço o blog porque é um prazer, eu pinto as unhas, uso o esmalte que eu quero, a placa da minha escolha e não preciso dar satisfação pra ninguém ,quem manda no meu blog sou eu, se quiserem me mandar amostras de esmalte e outros produtos ótimo ,se não quiserem não vou morrer , graças a Deus tenho din din pra comprar, não serei escrava de produto nenhum, muito pelo contrário eles deveriam pagar e muito bem as blogueiras que falam dos produtos deles.AAhhh pronto falei!!!

    ResponderExcluir
  2. pois eh né .... qm precisa de dinheiro com internet ... é ... bom xa pra la .

    ResponderExcluir
  3. eita nóis! já tem blog brasileiro nisso aí, fica a dica!

    ResponderExcluir
  4. Olha só que legal!
    Eu amo a Jane do Sea of Shoes! Achei uma escolha linda, acho que pessoas comuns, blogueiras ou não podem representar tão bem a marca... Afinal são os consumidores finais né?
    Continuarei blogando sem querer nada em troca mas se me chamarem pra ser garota propaganda da Chanel u-la-la
    Que bom que você fez um post! Estava com saudades já!

    beijos!

    Si
    www.inwonderland.com.br

    ResponderExcluir
  5. blogueiras poderosas kkkkk
    eu sou revendedora yes e olhe lá kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Bel, acho q a maioria de nós faz o blog por prazer, mas é gostoso saber que pelo menos em outros países nosso valor começa a ser reconhecido.
    São justamente blogs sérios e honestos, que não ficam babando em marca x ou y, e sim se comprometem a trazer para as leitoras o q tem de novidade, e a verdade sobre os produtos que andam por aí nas prateleiras, que mostram a força que nós temos.
    Hj já é comum eu sempre sapear em alguns blogs q considero muito bons e sérios, sobre produtos q não conheço, antes de comprar, assim evito decepções, q olha, já foram muitas, pq embalagem apesar da fiscalização e tudo o mais, não quer dizer que realmente é o q tem ali dentro.

    ResponderExcluir
  7. Flá, acho q se entrar um dindin msm vc sendo honesta e integra com suas leitoras, vale a pena, senão é... bem... isso msm q vc imaginou, kkkkkkk.

    ResponderExcluir
  8. Fran, tem sim, e digo que deveriam ter muitos mais, desde q o compromisso maior seja com a verdade, e não com a marca.

    ResponderExcluir
  9. Si, olha q Chanel é um luxo, mas eu já tava feliz com algum estilista famoso daqui do braseel msm, desde ele faça modelos plus size para mim, obvio... kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  10. Mariana, um dia todas nós seremos, se Deus quiser poderosíssimas, kkkk

    ResponderExcluir